14 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

POLÍTICA Quarta-feira, 20 de Dezembro de 2023, 09:43 - A | A

Quarta-feira, 20 de Dezembro de 2023, 09h:43 - A | A

DEU EM A GAZETA

Maioria reprova contas da primeira-dama

Gazeta Digital

Os magistrados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) formaram maioria para reprovar as contas da candidata derrotada ao governo, Márcia Pinheiro (PV), acusada de irregularidades na prestação de contas de mais de R$ 1 milhão nas eleições 2022. A homologação da decisão foi adiada após o pedido de vistas do juiz Eustáquio Inácio de Noronha Neto.

Márcia Pinheiro terá que pagar ao Tesouro Nacional o valor de R$ 3.781 devido a irregularidades em 32,03%, sendo que o máximo aceitável para ter contas aprovadas com ressalvas é de no máximo 10%.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Entre as irregularidades estão doações de 14% dos valores recebidos vindos de servidores da Prefeitura de Cuiabá. Para a defesa da primeira-dama, as doações não podem ser consideradas irregulares, pois os servidores e comissionados têm autonomia de escolher o candidato que melhor os represente. ‘Deixoume surpreso que o órgão técnico faça uma análise política desses dados.

Os números são frios e se não há fraude comprovada, os servidores podem depositar e doar valores para que eles quiserem’, defendeu Thiago Bittar.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image