19 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

POLÍTICA Segunda-feira, 27 de Novembro de 2023, 09:46 - A | A

Segunda-feira, 27 de Novembro de 2023, 09h:46 - A | A

CONFERÊNCIA DO CLIMA DA ONU

Governador terá que resolver crise no União Brasil antes de viagem para Dubai

Redação

O governador Mauro Mendes (União) terá, em tese, até a próxima quarta-feira (29) para resolver os problemas internos do União Brasil envolvendo as possíveis saídas do presidente da Assembleia Legislativa (ALMT), Eduardo Botelho (União), e do líder do governo Dilmar Dal Bosco (União), que estão de malas prontas para deixar a legenda.  

 

Isso porque Mendes embarca no próximo dia 30 para Dubai, onde participará da COP 28 – 28ª Conferência de Mudanças Climáticas da Organização das Nações (ONU). Botelho chegou a estabelecer o prazo de 30 de novembro para ter uma conversa definitiva com o governador para decidir sua saída, já que sua pré-candidatura a prefeito está sendo preterido em prol do deputado federal Fábio Garcia (União).  

 

Botelho quer garantias que disputará a prefeitura para permanecer no partido. Já Mendes tenta adiar a decisão ou que um dos dois (Botelho e Fábio) desista da disputa.   Enquanto Botelho aguarda a conversa, o PSD fica na expectativa de receber o chefe do parlamento estadual, prometendo total apoio à candidatura e um grande ato de filiação.  

 

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

 

Já Dilmar Dal Bosco está de saída para comandar o recém-criado Partido Renovação Democrática (PRD), onde será presidente estadual. Dilmar chegou a entregar uma carta de desfiliação a Mendes na semana passada, que pediu mais tempo e que o parlamentar repensasse sua saída.  

 

Outro parlamentar que poderia seguir Dilmar é Júlio Campos (União), um dos mais críticos de como o União Brasil está sendo conduzido pelo grupo do governador. Questionado se poderá sair, o parlamentar disse que ainda está estudando a possibilidade. 

 

Além do governador e da primeira-dama Virgínia Mendes, a comitiva de Mato Grosso terá a secretária de Estado de Meio Ambiente (Sema), Mauren Lazzaretti, o secretário Adjunto Executivo de Meio Ambiente, Alex Sandro Antônio Marega, a secretária Adjunta de Gestão Ambiental, Luciane Bertinatto Copetti, o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico (SEDEC), Cesar Alberto Miranda, o secretário de Estado de Segurança Pública (SESP), César Augusto de Camargo Roveri e adjunto de Comunicação do Governo, Lucas Rodrigues.

 

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image