16 de Junho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

POLÍTICA Segunda-feira, 30 de Novembro de 2020, 10:48 - A | A

Segunda-feira, 30 de Novembro de 2020, 10h:48 - A | A

PERDEU ELEIÇÃO

Abílio agradece os 129 mil votos, ataca fake news e aponta supostos abusos de Emanuel

Só Notícia

O vereador Abílio Júnior (Podemos), que recebeu, hoje, 129.777 votos e perdeu a eleição para o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro agradeceu a Deus a diversos aliados pelo apoio, os coordenadores de campanha e aos milhares de apoiadores”. “Estou feliz porque mais de 120 mil pessoas acreditaram a gente”.

“Eu fiz a minha parte, combati o bom combate, completei a carreira e guardei a fé”, acrescentou, ao mencionar passagem da Bíblia, em vídeo postado em rede social, ao lado da esposa e filho. “Não tenho do que me envergonhar. Onde vou ando de cabeça erguida, tenho respeito da população”. “Meu mandato como vereador acaba no final deste ano. Vamos buscar novas atividades profissionais, sou arquiteto urbanista” e a “gente continua trabalhando”.

Ele disse que as fake news do adversário foram “predominantes” e “interferiram demais” no processo eleitoral.  “O atual prefeito apareceu em rede nacional colocando dinheiro no paletó foi reeleito e boa parte da população, quase 52%, votaram a favor dele”, afirmou.

Abílio disse que vitória de Emanuel “não vale a pena conquistar a vitória do jeito que vocês conquistaram” e que, com seus aliados, quis fazer da forma certa.  “A gente sabe que foi muito dinheiro jogado em Cuiabá, a gente sabe do uso da máquina, da coerção ao servidor público, sabemos de tantas coisas e encaminhamos ao Poder Judiciário, ao Superior Tribunal Federal e à Polícia Federal. Infelizmente, a justiça que se vem tarde não é tão justiça assim”, expôs.

 


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image