19 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

POLÍCIA Terça-feira, 12 de Dezembro de 2023, 10:01 - A | A

Terça-feira, 12 de Dezembro de 2023, 10h:01 - A | A

CIOPAM

Polícia Civil encerra curso de combate a crimes ambientais e deflagra Operação Arco de Madeira

Redação

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema), Gerência de Operações Especiais e Academia de Polícia, finalizou nesta sexta-feira (07), o primeiro Curso de Investigação e Operações Policiais Ambientais (CIOPAM).

Foram capacitados 19 profissionais da área de segurança pública, sendo 18 policiais civis e um bombeiro militar, que durante quinze dias de curso foram treinados para aturarem de forma qualificada no combate a ilícitos ambientais.

O cronograma das aulas englobou atividades investigativas e operacionais em ambientes terrestre, fluvial e aéreo, e contou com o apoio de instituições parceiras como Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Ministério Público Estadual,, Programa REM-MT, Polícia Civil do Paraná, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiro Militar, Ciopaer, Indea, Ibama, Polícia Penal e Sesc Porto Cercado.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Durante as atividades foram repassadas instruções direcionadas a legislação ambiental, de organização criminosa, investigação policial para os crimes ambientais, ações de coleta e busca em fontes abertas e fechadas, entrevista e recrutamento operacional, noções de contraint entre outras.

Durante a cerimônia de encerramento realizada na tarde de sexta-feira (07), no auditório da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), a delegada titular da Dema, Liliane Murata, parabenizou os alunos pela perseverança em concluir um curso de alta intensidade e que requer dedicação máxima.

O diretor de Atividades Especiais, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, agradeceu o apoio da GOE e da Acadepol para a capacitação. Ele destacou, a importância da repressão aos ilícitos ambientais, com tanta diversidade como é o estado de Mato Grosso e enalteceu a equipe responsável pela organização e execução do CIOPAM.

“A Polícia Civil busca cada vez mais capacitar seus servidores, o que vem sendo desenvolvido de forma contínua, visando preparar nossos profissionais para atuarem fortemente no enfrentamento das organizações criminosas, assim elevando a nossa prestação de serviço à sociedade”, pontuou Vitor Hugo Teixeira.

O projeto do CIOPAM foi elaborado e coordenado pela Dema, com apoio pedagógico da Academia de Polícia e apoio operacional da Gerência de Operações Especiais.

A solenidade de formatura contou com a presença da delegada Alessandra Saturnino, designada pela Polícia Civil para atuar na Força Tarefa do Gaeco Ambiental.

Operação Arco de Madeira
 

Para encerrar o curso, na manhã de sexta-feira (08), foi deflagrada pelos alunos formandos do CIOPAM, em parceria com a Polícia Rodoviária Federal, Indea, Ibama, a Operação Arco de Madeira.
 

A ação teve como foco principal fiscalizar o transporte ilegal de madeira na Rodovia BR-364. Oito caminhões carregados da matéria-prima foram abordados e um dos veículos foi apreendido.

Também houve a apreensão de mais de 42,2 m3 de madeira, por estarem em desacordo com a Legislação Ambiental.

Aluno do CIOPAM e coordenador da Operação Arco Madeira, delegado Alexandre Vicente, destacou a importância da capacitação para o aprimoramento dos trabalhos investigativos na esfera ambiental.

“O curso tornou o olhar dos policiais mais técnicos e capazes de operar de forma procedimental operacional padrão voltado para a necessidade da Especializada e para o Meio Ambiente”, pontuou Alexandre Vicente.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image