19 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

POLÍCIA Quarta-feira, 06 de Dezembro de 2023, 10:47 - A | A

Quarta-feira, 06 de Dezembro de 2023, 10h:47 - A | A

SEGURANÇA PÚBLICA

Polícia Civil conclui inquérito de homicídio de jovem em Nobres e indicia os autores do crime

Redação

A Polícia Civil concluiu as investigações do homicídio que vitimou o jovem Rodrigo Arruda de Souza, de 20 anos, ocorrido no mês de novembro de 2022, no município de Nobres (146 km a médio norte de Cuiabá).

O inquérito instaurado pela Delegacia de Nobres, foi finalizado com a identificação de autoria e indiciamento dos dois autores por homicídio qualificado pela traição e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima, os quais possuem previsão de penas que variam de 12 a 30 anos de reclusão se condenados.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Com o esclarecimento do crime, a Polícia Civil representou pela prisão preventiva da dupla envolvida, deferida pela Justiça. Um dos suspeitos encontra-se preso em decorrência de outros crimes, já o segundo está foragido.

O crime

No dia 17 de novembro de 2022, Rodrigo Arruda de Souza, estava na casa da namorada, no bairro Jardim Glória, ocasião em que integrantes de uma facção criminosa falavam sobre um suposto furto de celular envolvendo uma adolescente.

Durante a reunião, dois indivíduos em uma moto se aproximaram da casa, e o garupa entrou no imóvel atirando diversas vezes contra Rodrigo, que ainda tentou se esconder em um dos cômodos, porém foi a óbito no local.

Conforme apurado, haviam várias pessoas na residência, porém somente o jovem foi alvo dos criminosos. Rodrigo era usuário de drogas e possuía proximidade com integrantes de facção criminosa atuante na região.

No decorrer das diligências, utilizando técnicas investigativas, os policiais civis conseguiram identificar os dois autores do homicídio, um de 27 e o outro de 33 anos, ambos com diversas passagens criminais.

Motivação

As investigações também apontaram que um dos motivos do crime tem relação com a disputa pelo comando do tráfico na região, sendo que os envolvidos acreditavam que a vítima estivesse colaborando com uma facção rival.

Conclusão

Conforme o delegado responsável pela investigação, Rogério Gomes Rocha, o inquérito foi encaminhado ao Poder Judiciário em Nobres, onde ficará à disposição do Ministério Público a quem caberá a análise e possível oferecimento de denúncia contra os investigados.

As diligências continuam visando localizar o suspeito que está foragido. 

 

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image