17 de Junho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

POLÍCIA Segunda-feira, 23 de Novembro de 2020, 09:57 - A | A

Segunda-feira, 23 de Novembro de 2020, 09h:57 - A | A

ESPINGARDA

Grupo espanca e mata homem que fazia ameaças com arma no interior

Gazeta Digital

Renato Espinoza da Silva, 29, foi morto na madrugada de domingo (22), em Pontes e Lacerda (448 km ao Oeste de Cuiabá), após ser espancado por populares. Testemunhas relataram que Renato estava armado e fazia ameaças contra um grupo de pessoas, que conseguiram tomar a arma e iniciaram as agressões. Mesmo socorrido, não resistiu e morreu no hospital. 

 

Conforme as informações da Polícia Militar, Renato estava com uma espingarda calibre 20 com munições. Ele estava fazendo ameaças aos vizinhos do bairro, que conseguiram desarmar o homem e, em seguida, passaram a espanca-lo.

 

Esposa e irmão da vítima o socorreram até o hospital da cidade e acabaram encontrando com os policiais no caminho. Corpo de Bombeiros foi acionado e fez o resgate da vítima, que não resistiu e acabou morrendo no Hospital Vale do Guaporé.

 

A arma foi apreendida e o caso registrado na Polícia Civil de Pontes e Lacerda, que vai investigar o homicídio. Não há informações sobre os suspeitos da agressão.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image