25 de Junho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

GERAL Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020, 10:08 - A | A

Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020, 10h:08 - A | A

REGIME INICIAL FECHADO

Homem que matou apresentador de TV é condenado a 14 anos de prisão em MT

G1

O Tribunal do Júri da Vara Única de Marcelândia, a 641 km de Cuiabá, condenou a 14 anos e sete meses de prisão, em regime inicial fechado. O julgamento ocorreu no dia 10 de novembro.

Conforme o processo, na noite do dia 29 de novembro de 2015, durante uma festa no “Bar Boate Azul”, localizado na Avenida Colonizador José Bianchini, bairro Setor Industrial, em Marcelândia, o apresentador foi atingido por uma facada no tórax, não resistiu ao ferimento e morreu.

Apesar da defesa do condenado ter pedido para que fosse retirada a qualificadora de que houve recurso que dificultou a defesa da vítima, o Tribunal do Júri não acolheu a solicitação.

Conforme o réu, ele agiu por motivo de relevante valor moral, decorrente de provocação da vítima com relação a ele. Os motivos do crime não chegaram a ser esclarecidos no processo.

A juíza presidente do Tribunal do Júri, Thatiana dos Santos, fixou a pena em 14 anos e sete meses de reclusão, a ser cumprido inicialmente em regime fechado.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image