16 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

GERAL Sexta-feira, 22 de Dezembro de 2023, 09:05 - A | A

Sexta-feira, 22 de Dezembro de 2023, 09h:05 - A | A

ENTRE ITIQUIRA E SINOP

BR-163 vê triplicar investimentos e gera 845 novos postos de trabalho

Redação

A BR-163 em Mato Grosso fechará o ano de 2023 com saldo de 3,5 vezes a mais de investimentos em comparação aos últimos sete anos. Ao assumir o controle acionário da Nova Rota do Oeste, o Governo de Mato Grosso, por meio da MT Par Investimentos, intensificou os serviços de recuperação da rodovia e retomou as tão esperadas obras de duplicação.  As ações refletiram na geração de emprego e renda, uma vez que 845 novos postos de trabalho foram criados no trecho sob concessão, de Itiquira a Sinop. 

O balanço financeiro da Concessionária aponta que de 1º de janeiro a 30 de novembro de 2023, a rodovia recebeu R$ 332,6 milhões em investimentos, enquanto em todo o decorrer de 2022 foram investidos R$ 94,1 milhões. Os dados são divulgados ao mercado por meio da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Do total aplicado na rodovia, 96% foram destinados para melhoria da infraestrutura da BR-163/364 e rodovia dos Imigrantes: manutenção, recuperação, passarela, duplicação, entre outros. O restante foi investido no fortalecimento do atendimento ao usuário, por meio de modernização de equipamentos e espaço físico. 

O diretor presidente da Nova Rota do Oeste, Luciano Uchôa, avalia que 2023 foi um ano de desafios e conquistas que se encerra com muitas vitórias e uma agenda forte de trabalho pela frente. “Estamos empenhados em cumprir todas as metas e prazos estabelecidos no contrato de concessão, sempre com foco em entregar o melhor para a população de Mato Grosso e usuários da BR-163. Esse é um compromisso de todos que trabalham na Concessionária e já estamos focados nas entregas de 2024”.

Em 2023, após sete anos paralisadas, a duplicação da rodovia foi retomada a partir de Diamantino (km 507 da BR-163). Somente essa frente de serviço concentra 450 pessoas em atividade. Atualmente, o canteiro de obras conta com mais de 15 quilômetros em fase de pavimentação da pista nova, reconstrução de cinco quilômetros da via já existente, construção de acostamento e canteiro central. Ao todo, esse contato prevê a ampliação de capacidade de 86 quilômetros até Nova Mutum. 

Dentro do pacote de investimento deste ano está a recuperação e manutenção da rodovia, de Itiquira a Sinop, sendo que a maior concentração dos serviços ocorreu nos 500 quilômetros entre Cuiabá (BR-070, rodovia dos Imigrantes) e Sinop (BR-163). Nesse trecho, cinco equipes trabalharam na manutenção profunda da rodovia, preparando a pista para o período chuvoso. A Nova Rota do Oeste concluiu ainda a reconstrução da ponte sobre o Rio Vermelho (BR-364, em Rondonópolis) e entregou a segunda passarela da BR-364, também em Rondonópolis. 

Atendimento Operacional – Realizando um atendimento a cada 5 minutos, em média, no trecho sob concessão da BR-163, o setor operacional também recebeu investimentos expressivos para garantir uma melhor entrega aos usuários da rodovia. Toda a frota utilizada 24 horas por dia na inspeção do trecho foi modernizada, assim como o sistema de segurança. Com isso, foram substituídas 18 caminhonetes e adquiridos seis novos guinchos (dois pesados e quatro leves). Três bases de atendimento estão sendo construídas em Cuiabá, Juscimeira e Jaciara em substituição às unidades provisórias em funcionamento atualmente. 
 
Os prédios da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Diamantino e da Serra de São Vicente foram reformados e ampliados, garantindo uma melhor estrutura para o policiamento e segurança de todos que percorrem a rodovia.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image