16 de Junho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

CIDADES Quarta-feira, 02 de Dezembro de 2020, 09:56 - A | A

Quarta-feira, 02 de Dezembro de 2020, 09h:56 - A | A

OFÍCIO

Vereador pede isenção na cobrança de água durante crise de abastecimento em Tangará

Diário da Serra

O vereador Professor Sebastian Ramos enviou ao Ministério Público do Estado de Grosso, por meio da Promotoria de Justiça da Comarca de Tangará da Serra, um ofício pedindo que o órgão intervenha junto ao Poder Judiciário a fim de que o Município de Tangará da Serra se abstenha de efetuar cobrança de consumo de água durante período em que não houve regular e devido abastecimento, exceto a tarifa mínima, a fim de viabilizar as atividades da autarquia.

“(…) desconto na fatura ou interrupção imediata [da cobrança]. Enfim, que o município encontre um caminho de, diante do atual cenário, não lesar mais ainda o cidadão tangaraense, que já padece pela falta d’água em sua casas”, solicita o parlamentar, que na tarde da última segunda-feira, 30, participou de uma reunião na sede da promotoria, a convite dos promotores Fabiana da Costa Silva Vieira e Thiago Scarpellini Vieira. Lá estavam também o prefeito eleito Vander Masson (PSDB) e equipe, a fim de compreender como está a questão da água e a questão ambiental junto ao Ministério Público.

“Os promotores pautaram o tema com muita eloquência, diante do cenário que vivemos, ressaltaram as ações que tramitam junto ao Ministério Público, destacaram algumas ideias e hipóteses que podem vir a acontecer em Tangará pelo bem da população. (…) Resumindo, foi uma reunião proveitosa e queremos crer que as próximas ações, próximos encaminhamentos, virão para o bem de todas as pessoas que anseiam pelo menos por um paliativo imediato sobre a questão da água em Tangará”.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Tangará Online (tangaraonline.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Tangará Online (tangaraonline.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image